Primeiro e-commerce brasileiro em HTML5

Foi lançada a um tempo atrás a primeira loja virtual(e-commerce) do Brasil, mas só agora que ela está estável que estou fazendo a divulgação. O link para ver a loja é WorldWideBooks.com.br/loja

Baseada no sistema Magento Commerce, usando o template JM_Purity(com todos os direitos reservados). Fiz a conversão do HTML 1.0 trasitional para o HTML 5.

Foram utilizadas todas estratégias SEO que são fundamentais em um e-commerce, tais como SKU, metas tags, conteúdos relevantes, ROR, sitemaps, etc.

Por que a escolha do HTML5, mesmo estando em versão de teste?

Tive uma experiência muito boa com o uso do HTML 5 em meu site pessoal. Recebi muitas visitas sem ao menos fazer divulgação. Para o e-commerce, isso é uma estratégia de marketing, pois é uma grande novidade e muitos blogs, até sites que falam sobre o HTML 5 farão a divulgação do nosso trabalho sem que a gente tenha gasto com isso. Será bom para a gente e para quem estará fazendo divulgação, pois terá um exemplo real para mostrar aos interessados.

Por que o MAGENTO COMMERCE?

Ele, além de ser free(livregrátis), tem muitos desenvolvedores trabalhando para a melhoria e manter como um dos melhores. Tem um excelente sistema de administração, no qual você pode saber qual tipo de produto o seu cliente pesquisou, que é muito bom para saber o nível de busca, o que nossos clientes querem. É muito fácil cadastrar produtos, mas requer um certo conhecimento básico para usar estratégias SEO da melhor maneira possível.

Existem muitas funções, caso queiram saber mais é só comentar.

e-commerce em Html5

Comentar por Facebook

2 comentários sobre “Primeiro e-commerce brasileiro em HTML5

  1. Olá Everton!
    Gostei realmente do visual que ficou o seu site. Eu cheguei a este blog tentando encontrar alguma solução que permitisse uma melhoria para o meu site, que também é Magento, e cheguei aqui pesquisando por “ecommerce html5” no Google.
    Não sei se você disponibiliza os fontes do seu trabalho, o que me deixaria muito feliz, mas, ao menos, fiquei feliz em saber que uma adaptação desta é possível ao Magento.
    Valeu!
    Gustavo Seixas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *